Fritolle, comida típica da Calabria 🇮🇹

Começamos o mês com um evento oferecido pelo staf da Marina para os residentes de inverno. Um jantar com um prato tradicional chamado “Fritolle”. Para este prato, o porco é cozido em grandes pedaços num grande caldeirão e consome quase um dia todo para o preparo. A Marina trouxe alguns italianos especializados em fazer este típico prato da Calabria e seus acompanhamentos e foi uma grande festa, com muita comida e animação. Sou descendente de italianos, e isso recordou minha infância… Que por vezes um porco era comprado e abatido para se fazer salame e havia também o hábito de cozer a carne em sua própria gordura e guardá-la em latas, o que a mantinha conservada por longo tempo. Mas bom mesmo foi ver a animação da equipe, alguns experientes senhores italianos e reparei que não havia nenhuma mulher no time dos cozinheiros e eles mandaram muito bem 👏🏻👏🏻👏🏻.
Tenho sempre registrado a grande produção de cítricos da região e o Renato aprendeu a fazer o tão falado e amado por todos… Licor de Limoncelo. Nosso vizinho de Marina Guido, que faz o licor com maestria nos passou a receita e agora não pode mais faltar uma dose de licor “para abrir o apetite” assim que vou para a cozinha preparar o almoço 😀.
Dia desses a Daniela, uma italiana que conhecemos, que mora aqui próximo e sempre vem andar na Marina, nos trouxe uma sacolada de frutas cítricas… Muitas e eu me arrisquei a preparar uma geleia de laranja e olha que deu muito certo, ficou bem saborosa e fiquei orgulhosa de minha produção.
E assim o tempo vai passando e mês que vem acaba o inverno e começa a primavera, apesar de ainda estar frio e com o vento sempre gelado… Tem muitas flores amarelas de trevo, aquela bem comum que tem também no Brasil e os caminhos ficam lindos e estão por toda a parte, na ciclovia, à beira mar, nas plantações… É muito lindo de ver e anuncia que a primavera não vai demorar 😀.
Ah! O tempo vai passando, em abril deixamos Roccella e já vai dando um apertinho no coração… Aqui é muito amigável, as pessoas gentis e alegres, a cidade pequena é pouco turística e as comidas maravilhosas… Mas é mesmo assim, em cada lugar que passamos nossa bagagem interna vai aumen

tando, o coração vai apertando até conhecermos novos lugares e nos depararmos com outras coisas que prenderão a nossa atenção. Viajar sempre junto com a casa é incrível, estar em tantos lugares sem nunca precisar fazer mala, nem esquecer de nada… Tudo está a mão. Namastê 🙏🏻

Dias 778 a 784 Morando a bordo, invernando em Roccella Iônica, Calábria, sul da Itália 🇮🇹 Dias 1 a 7 de fevereiro de 2019.

Publicado em #svphareanaitalia🇮🇹 | Deixe um comentário

Na Itália, como os italianos 🇮🇹

Estamos invernando aqui no sul da Itália e aproveitando para conhecer as redondezas e já temos uma rotina, como por exemplo, ir a feira todo sábado pela manhã. A feira é grande, tem muitas hortaliças, algumas diferentes das que temos no Brasil, é o caso do brócolis, tem o verde, o amarelo, o roxo e ainda outros tipos. As frutas são uma delícia, aqui é região de plantio de cítricos e assim… Muito limão siciliano, muita laranja, mandarim (a nossa mexerica) e também tem os grãos e cereais e ainda os milhões de tipos de queijos (ilustrado no mapa), e carnes refrigeradas. Na feira tem também ferramentas e utilidades domésticas e uma grande parte dela vende roupas, calçados e artigos de cama, mesa e banho, tudo em bancas e araras… Dá para gastar um bom tempo andando por toda a feira. Agora é época de alcachofra e na feira encosta um caminhão lotado de alcachofras, tudo muito fresco e gostoso!
O caminho da feira é a parte preferida, vamos de bike por uma ciclovia que liga Roccella Ionica a Caulônia, onde acontece a feira. A ciclovia passa por áreas de pinheiros, depois margeia o mar, passa por uma plantação de cítricos e para cruzar a linha do trem e chegar na feira, passamos por um condomínio fechado para ter acesso.
Esse também é o programa dos outros velejadores residentes de inverno, que acabamos encontrando por lá! Todo o domingo é dia de barbecue e praticamente todos se reúnem e passamos algumas horas juntos. Pouco churrasco no sentido brasileiro da palavra, mas muitos e diferentes assados.
Neste mês tivemos uma ótima surpresa, a chegada dos tripulantes do veleiro Vento Macio, que já estava atracado no mesmo píer que estamos. A Heloísa e o Marco. Casal carioca super querido que também está invernando aqui. Eles saíram de barco do Brasil, foram ao Caribe e cruzaram para o Mediterrâneo. Muitas conversas, ótima companhia, troca de visitas e passeios… Tem sido ótima a companhia deles!
Como comentamos no post anterior, no barco há sempre muito o que fazer, desde uma simples limpeza, para tirar o respingo diário do sal, uma manutenção em equipamento ou um reparo que necessite de uma boa costura.
Por isso, em janeiro compramos nossa máquina de costura e vamos começar a fazer algumas capas… Do motor do bote, troca da capa dos estofados externos e a capa do bote também… Teremos muito o que fazer em termos de costura, bom para mim que adoro costurar 😀.
Estava pensando que quando morava em terra estava sempre em busca de uma boa diarista e interessada sempre em comprar muitas coisas… Agora tudo mudou, tomamos conta de tudo e as necessidades de consumo são imensamente menores, assim como de fato pensamos que deve ser. A vida no barco é simples, prática e tudo é funcional, tudo de bom pois isso economiza muita energia e sobra tempo para viver a vida! Namastê 🙏🏻

Dias 761 a 777 Morando a bordo, invernando em Roccella Iônica, Calábria, sul da Itália 🇮🇹 Dias 16 a 31 de janeiro de 2019.

Publicado em #svphareanaitalia🇮🇹 | Deixe um comentário

Trabalhando na manutenção do veleiro, Itália 🇮🇹

Morando a bordo naturalmente assumimos todas as funções, imperativamente aquelas relativas a manutenção do barco e as domésticas, de forma que tudo esteja funcionando perfeitamente e as necessidades supridas.
Para isso o Comandante tem seu check list de verificações e uma das coisas que ele tinha em sua lista era a troca do suporte do guincho (em baixo da fibra), havíamos percebido que ele estava um pouco frouxo. É uma peça de compensado naval que dá mais resistência à base do guincho elétrico, já que ali o esforço é bem grande.
O Renato precisou tirar a peça antiga que estava muito bem fixada e isso deu o maior trabalhão… Mas depois de dois dias de trabalho e um formão (ferramenta para talhar madeira) torto, ele conseguiu.
Depois teve o trabalho de fazer o novo molde, comprar o compensado naval, furar, passar as camadas de resina epóxi e fixar com sikaflex tudo no lugar novamente.
Por conta dos dias de chuva que tivemos e à espera da resina secar, o trabalho levou mais de uma semana, mas agora o guincho está novamente bem fixo e pronto para grandes esforços.
Próximo de Roccella Iônica tem uma loja tipo bricolagem e foi lá que o Renato encontrou o material para a troca, graças a uma carona dos amigos velejadores daqui, que frequentemente andam por lá para comprar alguma coisa.
Aproveitando que a caixa de ancora estava bem acessível, fez a limpeza e também tiramos toda a corrente para lavar com água doce.

Dias 756 a 760. Morando a bordo, invernando em Roccella Iônica, Calábria, sul da Itália 🇮🇹 Dias 6 a 15 de janeiro de 2019.

Publicado em #svphareanaitalia🇮🇹 | Deixe um comentário

Muitos planos para 2019!!!

O ano de 2018 foi ótimo e intenso para nós. Vendemos nosso barco no Brasil, o Renato fez a travessia do Atlântico Sul (Rio de Janeiro/Cape Town), em longos 33 dias, viajamos para a Croácia 🇭🇷 e compramos nossa nova embarcação, a Pharea ⛵️.
Navegamos em quatro países, Croácia, Montenegro, Grécia e Itália. Entramos, saímos e retornamos em vários portos. Carregamos um pouquinho de cada lugar e das pessoas que conhecemos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pensamos e repensamos se dois anos aqui na Europa seriam suficientes para conhecermos e a resposta é não. Pois quando estamos velejando não há pressa e cada lugar pode conter muitos outros pequenos lugares e bem interessantes. Mas o fato é que a vida náutica aqui é breve, aproveitam-se os meses de primavera e verão e os outros seis meses aguarda-se passar, colocando o barco em uma Marina. O frio chega e com ele muito vento, ficar abrigado e protegido é fundamental. Então aquele grande ano… Resume-se a seis meses e ainda precisamos sempre ver a questão dos deslocamentos em função do visto.

Assim, pensamos em aproveitar mais uma primavera e um verão aqui neste ano e em dezembro de 2019 nosso objetivo é cruzar o Atlântico Norte e chegar ao Caribe. Assim, todos nossos planos, desde o início do ano já se voltam para isso. Temos algumas tarefas para fazer e também a aquisição de alguns equipamentos.
Desde já fico imaginando como será, um casal de amigos canadenses fez a travessia no final de dezembro de 2018 e levaram 21 dias e tudo correu muito bem, é isso que esperamos, pegar as condições certas para cruzarmos o Atlântico Norte e finalmente chegarmos ao calor e as águas também claras do Caribe. Morar a bordo aqui é bem interessante, no velho mundo praticamente todos os lugares que passamos foram habitados por povos muito antigos e há muita história para conhecer, muita arquitetura, ruínas, sítios arqueológicos a céu aberto e muitas coisas mais. Têm-se um grande ganho cultural, em contrapartida, o custo aqui é elevado, considerando principalmente a diferença de nossa moeda em relação ao Euro.
Mas, acreditamos que vale a pena sim, navegar pela Europa e depois rumar ao encontro de muita beleza natural, caso do Caribe e das incontáveis ilhas do Oceano Pacífico e com certeza de muitos outros lugares que ainda vamos conhecer.

Viver no mar é assim.

Estar onde se quer,
Ser quem quiser,
Observar cada movimento,
Cada onda,
Cada cor,
Cada ave no céu,
Nada se iguala a liberdade no mar.

Sentir a brisa no rosto,
O sol,
O respingo salgado,
Sentir-se dona do tempo,
Escolhendo os caminhos.

Passar por tantos lugares,
Conhecer histórias,
Testemunhar ruínas,
Ver a vida que passou,
Entender a sincronia das coisas
Tendo tempo de bem viver!

Dias 756 a 760. Morando a bordo, invernando em Roccella Iônica, Calábria, sul da Itália 🇮🇹 Dias 1 a 5 de janeiro de 2019.

Publicado em #svphareanaitalia🇮🇹 | Marcado com , , , | 2 Comentários

Festas de Fim de ano com amigos velejadores do mundo!

Alguns dos residentes de inverno viajaram para rever familiares e nós que ficamos nos juntamos para comemorar o natal. Nos reunimos para decidir o menu e distribuir as tarefas para que tudo ficasse perfeito.

Tudo foi organizado no clube house, local que dispomos para recreação aqui na Marina delle Grazie.

Foi uma ótima comemoração, tudo preparado com muito esmero e carinho por cada tripulação. Fizemos amigo secreto para a troca de presentes e foi bem divertido!

Também colocamos iluminação na vela dos barcos causando um lindo efeito ao anoitecer na Marina.

A semana entre natal e ano novo passou voando… Passeamos bastante com a Bella, pedalamos e confraternizamos com o pessoal daqui da Marina.

Participamos também de um festival de música na companhia dos amigos da Marina. Foi nossa primeira saída à noite aqui kkk, como escurece cedo e a Marina fica a uns dois quilômetros do centro da cidade e considerando o frio intenso à noite… Acabamos por ficar no barco vendo um filme ou notícias, cozinhando, etc… a cidade estava linda com uma grande arvore de natal e iluminação na rua principal.

Nossa Bella fez aniversário em dezembro, 4 anos que estamos juntinhos e ela é só alegria… quando não estamos rindo dela estamos rindo para ela… muito bom tê-la conosco… amo!!!!! nossa rotina com ela inclui passeios ao ar livre, sol no cockpit, higiene e escovação do pêlo diariamente. Ela está ótima, mesmo com o frio… até porque a mamis tá tricotando suas roupinhas kkk

Neste período o vulcão Etna, situado na ilha da Sicília, no sul da Itália 🇮🇹, entrou em fase de ligeira atividade com explosões e emissão de gases de uma de suas crateras, havendo posteriormente um aumento de atividade gerando uma enorme coluna de cinzas. O Etna, com 3.300 metros é o vulcão mais ativo da Europa e estudos relevam que o Etna desliza lentamente na direção do Mediterrâneo, a um ritmo constante de 14 milímetros por ano. O aeroporto de Catânia chegou a ser fechado e mesmo estando não tão distante de Roccella não vimos ou sentimos nenhum evento por aqui, felizmente.


Passamos a noite de ano novo com nossos amigos holandeses, Diko e Yvonne, caprichamos no menu e a meia noite nós reunimos com os demais no molhe para ver os fogos… A Bella ficou no barco e como os fogos eram na cidade, não chegou a se assustar. Brindamos sob um vento gelado mas valeu a pena a diversão!

Bem, nestas épocas de festa ficamos mais nostálgicos e estamos longe de nossos familiares e amigos, mas nem por isso deixamos de receber todo o carinho deles e a troca de mensagens deu conta de transmitir nossos melhores votos para o ano que se inicia. Enfim, novamente uma oportunidade de desejar a todos um ótimo ano, repleto de realizações e de boas novas escolhas!!! Feliz 2019 👏🏻👏🏻👏🏻. Namastê 🙏🏻

Dias 745 a 755. Morando a bordo, Roccella Iônica, Calábria, sul da Itália 🇮🇹 Dias 21 a 31 de dezembro de 2018.

Publicado em #svphareanaitalia🇮🇹 | 1 Comentário