Veja nossa localização

Depois de dois anos a bordo entre Antonina (PR), Paraty (RJ), Itajaí (SC) e Angra dos Reis (RJ) no Brasil 🇧🇷 largamos novamente as amarras e partimos para a segunda etapa de nosso planejamento, comprar um barco fora e velejar por outros mares.

Chegamos na Croácia 🇭🇷 em 21/03/18 para encontrar um bom barco. Nos hospedamos em Split, uma bela cidade e rodando nas Marinas próximas em busca de nossa nova casa/barco.

Já achamos nosso barco, um Bavaria 40, de nome Pharea e após fazer todos os procedimentos com a documentação e tambem troca de alguns equipamentos, saimos em 19 de maio de Rijeka rumo ao sul. Navegamos toda a costa da Croácia e chegamos em Montenegro 🇲🇪 no dia 14 de junho. Foram 509 milhas navegadas em toda a bela costa da Croácia 🇭🇷.

Curtimos muito Montenegro 🇲🇪, uma país bem pequeno e novo, se estruturando ainda, mas com paisagens belíssimas, montanhas encantadoras que tivemos o prazer de subir e ver o mundo lá de cima. Amamos Kotor e lá conhecemos velejadores especiais.

Fim de agosto deixamos Montenegro 🇲🇪, descemos toda a sua costa, passamos pela costa da Albânia de um lado e do outro lado do Mar Adriatico estava a Itália 🇮🇹 e finalmente chegamos no país de todos os deuses… a bela e azul Grécia 🇬🇷 💙.

Ficamos na Grécia 🇬🇷 dois meses e meio, conhecemos Atenas, as ilhas do Golfo Sarônico, Ilhas Ciclades, Ilhas do Arquipélago do Mar Jônico, do mar Egeu… Pegamos muito vento, terremotos e ciclone… Gostamos da Grécia mas não achamos “tudo aquilo” que imaginávamos.

O inverno chegou e atravessamos o mar Jônico, da Grécia 🇬🇷 para a Itália 🇮🇹 , e ficamos na Calábria, em Roccella Ionica. Ficamos com o barco na Marina de novembro de 2018 a novembro de 2019, como resident winther… Juntamente com vários outros barcos que invernam lá . Mas… precisamos voltar ao Brasil 🇧🇷 em maio/19 e ficamos por lá quatro meses.

Em setembro retornamos, preparamos o barco e em novembro zarpamos de Roccella Ionica, demos saída nos papéis na Sicília e cruzamos o Mediterrâneo direto até a Tunísia 🇹🇳, no norte da África. Ao chegar, uma grata surpresa, povo amigável, boa Marina, muitos locais próximos para visitar.

Ficamos em Monastir 17 meses, passamos lá a fase inicial do covid 19, é uma cidade com cerca de um milhão de habitantes, nós ficamos numa marina na área central mais antiga, onde fica a Medina e o mercado de peixe. Muito interessante a cultura Árabe e o patrimônio histórico bem preservado. Na cidade de El Jem visitamos o Coliseu, erguido pelos romanos e bem mais preservado do que o Coliseu em Roma. Apreciamos andar pelas ruelas da Medina, fotografar as portas tão lindamente decoradas, experimentar as frutas da época, damascos, romãs, ameixas e figos frescos e deliciosos e tambem as tâmaras, muito saborosas.

Em abril/21 enfim partimos para Malta, prontos para explorar este pequeno país, composto por um arquipélago de três ilhas, no Mediterrâneo, entre a África e Europa.

Namastê 🙏🏼