Travessia Monastir, África do Norte a Malta, Mediterrâneo.

Saímos de Monastir ás 17 horas do dia 19 de abril de 2021. Horário definido em função da liberação do teste do PCR, pois após apanhar o resultado ele tem validade por 72 horas.

IMG-20210419-WA0007IMG-20210419-WA0006A saída foi emocionante, muitos amigos no píer para ajudar a soltar os cabos, ganhamos cookies deliciosos, doces árabes e pão fresquinho para a viagem e fotos e vídeos registrando nossa partida!
20210512_154922Saímos com vento contra, como era previsto nas primeiras horas da travessia e motoramos 12 das 34 horas. Foram aproximadamente 200 milhas de Monastir até Malta (linha amarela). Os planos eram de revezamento a cada três horas no cockpit e só o Comandante cumpriu, pois quanto dava no máximo duas horas do meu turno, o Renato aparecia no cockpit para assumir novo turno… Coisas de comandante acredito eu… Enfim, durante a travessia sempre um de nós estava  com a Bella, pois o balanço do mar e o barulho das ondas ainda a assustam um pouco.

A muito tempo não víamos o por do sol no mar, estava lindo e na primeira noite, no meu turno, vi o por da lua por volta das duas horas, mesmo sendo lua crescente estava linda e se pôs com tons avermelhados. A noite estava muito fria,  estávamos super agasalhados com roupas de tempo e muitas outras por baixo, o mais difícil foi enfrentar o frio da noite e madrugada.Depois que o Renato abriu as velas seguimos no mesmo bordo o restante das 22 horas numa boa velejada.
Bem, no caminho pegamos uma sacola plástica no hélice. Deu aquele primeiro tranco  e depois sentimos como se o motor estivesse vibrando. No primeiro momento o Renato achou que fosse preciso apertar is suportes motor, fez alguns apertos mas o que descobrimos, depois que chegamos, era que havia uma sacola plástica bem grande enrolada no eixo do hélice, que após tanta rotação tinha virado uma cinta de uns cinco centímetros de espessura ao redor do eixo. Sem outra alternativa, o Renato  preparou o compressor para mergulhar e ficou na água por um bom tempo, até conseguir tirar aquela cinta que se formou com a sacola plástica.
A travessia foi boa, apesar do frio intenso, mas estávamos tomados por tanta ansiedade de enfim sairmos da Marina e velejar que a alegria superou qualquer desconforto que passamos e agora estamos de volta ao mar, após um longo inverno na Marina e as restrições decorrentes do Covid 19.

Agora esperamos por novos quintais, novos lugares, mais amigos e muitas navegadas. Namastê 🙏🏻

Dia 1853, 22 de abril de 2021. Travessia África do Norte até Malta. Morando a bordo em Malta

Sobre Sailing Vessel Pharea

Eu, meu marido Renato Teixeira e a Bella, nossa Yorkshire, moramos a bordo e estamos conhecendo muitos lugares dando volta ao mundo em um veleiro. Namastê 🙏🏼
Esse post foi publicado em #SvPhareanaTunísia🇹🇳. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Travessia Monastir, África do Norte a Malta, Mediterrâneo.

  1. Vitor Pereira disse:

    Bacana ter notícias de vcs. Nossas Shitzu também vieram a maior parte do tempo no colo entre Porto Alegre e Florianópolis, mas agora colocamos 2 cadeirinhas de carro amarradas na mesa do cockpit e elas se acomodaram bem no restante dos nossos trechos. Saco Plástico … Aghhhh… Na próxima certamente o Cmte vai dar um ré rapidamente e se livrar dele… Nada como a experiência! Cada dia um aprendizado e cada dia uma vitória! Aproveitem muito pois Malta deve ser fantástica … ainda queremos conhecer…. BV

    Curtir

  2. Nelson disse:

    Maravilhoso sobrinhos. Novas amizades, novos ares, novas descobertas, o mundo é de vocês…caminhos abertos sempre!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s