Conhecendo Finike, Turquia ­čç╣­čçĚ

Hoje vou contar de nossa ida a Finike, onde fizemos a renova├ž├úo do “transit log”, um documento com validade anual, que autoriza a perman├¬ncia do barco no pa├şs, onde tamb├ęm ├ę declarada a sua tripula├ž├úo.
Consultamos alguns agentes sobre a possibilidade de fazermos em Kas, Fethyie, Marmaris ou Bodrum, mas est├í havendo algumas mudan├žas nas regras e no momento a ├║nica op├ž├úo era Finike.
N├úo t├şnhamos planos de ir para l├í de barco, pois apesar de ter uma Marina, a ├írea de ancoragem em frente ├á praia ├ę totalmente desprotegida. Mas, fomos assim mesmo pois n├úo havia outra op├ž├úo.
No caminho entre Kekova e Finike ficamos muito impresssionados com o elevado n├║mero de estufas agr├şcolas, s├úo milhares de estufas produzindo vegetais como tomates, piment├úo, pepino, etc. por vezes em ├íreas planas nos vales entre as montanhas e noutras vezes em elevada altitude, aproveitando todos os espa├žos onde se pode colocar uma estufa e a infraestrutura necess├íria par faz├¬-la produzir, como ├ígua, eletricidade e acesso. Na imagem podemos identificar as estufas fazendo uma grande cobertura branca.
Vimos tamb├ęm que a antiga cidade de Demre, onde j├í havia ido de ├┤nibus com o Teixeira (pai do Renato) e a Eliana, est├í literalmente cercada de estufas por todos os lados, havendo algumas delas que j├í ficam dentro da cidade. ├ë uma paisagem muito impressionante.
Nos chamou a aten├ž├úo que no logotipo da cidade de Finike tem o desenho de uma laranja, pois ├ę uma grande e importante produtora de c├ştricos e no plano diretor da cidade, eles optaram pela expans├úo da ├írea agr├şcola e redu├ž├úo da ├írea tur├şstica. Assim a cidade se transformou num lugar charmoso e recebe muitas pessoas aposentadas que preferem ficar longe do barulho e da agita├ž├úo do ver├úo, como o som alto nos barcos de passeios e nos “night clubs”.
Quando chegamos fizemos a ancoragem em frente ├á praia e o Renato e o Andy (do veleiro Tartuga) foram para a terra procurar o agente para os procedimentos de renova├ž├úo do tr├ónsit log e eu fiquei no veleiro pois estava com vento e rajadas chegando a 21 knots. A renova├ž├úo foi poss├şvel e quando o Renato retornou o vento j├í havia diminu├şdo e assim fomos juntos conhecer a cidade e passamos para tirar uma foto com o agente.
H├í v├írios canais que vem da montanha e desembocam no mar e passam enfeitando a cidade, h├í bares e restaurante ao longo do canal e lindas passarelas para pedestres, enfeitadas com flores, geralmente Buganv├şlias, que d├úo um toque muito especial. Nesta regi├úo tamb├ęm ├ę extra├şdo um tipo de calc├írio Um tipo de calc├írio que ├ę vendido como material de constru├ž├úo decorativo, de cor creme com uma estrutura homog├¬nea, densidade m├ędia┬á e extremamente leve, o que a torna ideal para uso na constru├ž├úo e tamb├ęm de ruelas por onde passam apenas ve├şculos leves.
Finike chamava-se Phoenix e foi fundada pelos fen├şcios no s├ęculo 5 A.C. Tendo por aqui passado muito povos, por├ęm segundo os arque├│logos a ├írea foi habitada por muito mais tempo do que isso, eles encontraram evid├¬ncias que a ├írea era ocupada desde 3.000 A.C.
├ë fant├ístico imaginar tantos imp├ęrios como os Fen├şcios, os Romanos, os Gregos, os Bizantinos e os anteriores a eles, vivendo nestas altas montanhas e aproveitando a costa para o com├ęrcio e a navega├ž├úo. Tantas guerras foram travadas aqui e agora fazem parte de um passado remoto que pouco n├│s pouco conhecemos.
Valeu conhecer, bem tranquila, pequena e muito agradável passear entre os canais, com suas pontes floridas e uma beira mar passando pela Marina onde se concentram bares e restaurantes.

Namast├¬ ­čÖĆ­čĆ╗­čç╣­čçĚ

15 de setembro de 2022. Morando a bordo do veleiro SV Pharea na Turquia. ­čç╣­čçĚ

Sobre Sailing Vessel Pharea

Eu, meu marido Renato Teixeira e a Bella, nossa Yorkshire, moramos a bordo e estamos conhecendo muitos lugares dando volta ao mundo em um veleiro. Namast├¬ ­čÖĆ­čĆ╝
Esse post foi publicado em #Svphareanaturquia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ├şcone para log in:

Logo do WordPress.com

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s