Travessia Mar Jônico, da Grécia 🇬🇷 para a Itália 🇮🇹

O mar Jônico é um braço do mar Mediterrâneo ao sul do mar Adriático. Está limitado a oeste pela Itália meridional, incluindo a Calábria e a Sicília, e a leste pelo sul da Albânia e pelo noroeste da Grécia, em especial as ilhas Jônicas e é ele que vamos atravessar.
Barco 100% revisado, tudo conferido, bolsa de abandono preparada e assim no dia 8 de novembro deixamos a Grécia 🇬🇷, o Comandante zarpou às 2 da madrugada para a travessia do Mar Jônico, rumo a Itália 🇮🇹, tendo 200 milhas pela frente.
A janela de tempo era de umas 30 horas, com previsão de vento mais forte na chegada. Saindo de Corfu subimos para contornar a ilha e finalmente sair por bombordo dela aproando para a bota da Itália 🇮🇹 e aos poucos ela foi ficando para trás e a expectativa da viagem e da chegada foram tomando conta da tripulação. Havia preparado nossas refeições deixando tudo bem prático e à mão para a travessia e realmente foi ótimo, pois balançou muito com a constante ondulação e seria bem desconfortável se tivesse que cozinhar.
Acompanhávamos o tráfego vendo que a boreste havia uma rota dos navios de passageiros e cargas e alguns outros poucos barcos de pesca e navios de carga com rumo a bombordo. Enquanto navegávamos íamos vendo os dados dos barcos e navios que estavam por perto no AIS.
O vento pela manhã estava em torno de 10 a 15 knots e a tarde aumentou, assim como a ondulação de alheta que durou um bom tempo e só a noite o mar acalmou e pela primeira vez o Renato comandou o barco da mesa de navegação, acompanhando o desempenho e o rumo pelos equipamentos internos e vez outra saindo para uma olhadela lá fora.
Tudo correu super bem, a Pharea deslizava pelas águas e cada vez mais nos aproximava de nosso destino. O final do dia nos presenteou com um belo por-do-sol!
Na manhã seguinte vimos os peixes voadores no cockpit e realmente voam alto, pois agora temos a rede no guarda mancebo e mesmo assim lá estavam eles… que peninha…  e a nossa mascote, ficou super bem durante a travessia, às vezes um pouco assustada com o barulho das ondas, mas se alimentou e dormiu boa parte do caminho, uma ótima companhia! No percurso o Comandante abasteceu o tanque… incrível  essa mangueirinha “mágica”, transfere de formar muito fácil.
Ainda não sabíamos como era a costa da Itália, vimos na internet e eu imaginava mais rochosa… íamos falando e o anseio pela chegada ia crescendo pois nossa ideia era passarmos o inverno numa marina na Tunísia (uma vez que com o frio que faz aqui, não há condições e não seria confortável ficar em ancoragens) e agora uma nova proposta se delineava, ficarmos na Itália… Quem nos deu a dica foi o Comandante do veleiro Emuna, amigos que conhecemos em Aegina e por quem tivemos grande afinidade. Mas tínhamos dúvidas no tocante ao Tratado de Shengem que permite 90 em 180 dias na Europa, porém o fato de nosso barco ter bandeira européia (Croata) poderia nos ajudar na permanência. Assim temos duas alternativas, a inicial de pararmos em Roccella Iônica, na Calábria (sul da Itália), cruzar o canal de Messina e seguir para a Tunísia, ou havendo possibilidade, permanecermos em Roccella de novembro até abril de 2019, o que seria muito bom… Eu particularmente adoraria, por ser descendente de italianos.
E assim vamos avançando, a Pharea, nossa casa e nosso lugarzinho no mundo, nos leva para onde queremos ir e felizmente sem nunca apresentar problemas, até porque o Renato tá sempre checando tudo e mantendo tudo em ordem.
Quando passamos pela linha que separa a Grécia da Itália, fizemos a troca das bandeiras… o Renato subiu a nova bandeira Italiana. Avançamos, avançamos e eu acompanhando a profundidade… a maior que já estive 2.500 metros, já o Renato na travessia do Atlântico (Brasil/África) chegou a mais de cinco mil metros 😱😱😱.
Ao fim de 33 horas de navegação chegamos em Roccella Iônica, o Renato fez contato pelo rádio e atracamos no píer da Marina Porto Delle Grazie onde fomos recebidos pelos simpáticos David e Geovani, que nos auxiliaram na atracagem em ⚓️ 38°19.647’N / 16’26.073’E. Descemos e fomos no escritório da Marina que deu nossa entrada e nos orientou para retornarmos na segunda-feira para ver a questão do visto, etc.
Agora descansar, tomar um banho, deixar o barco em ordem e curtir nosso novo quintal. Nunca havíamos pensado em passar um longo tempo na Itália e essa ideia está me deixando muito feliz… boa comida, língua amigável… acho que vamos amar ficar por aqui estes seis meses. Isto é tão diferente… poder viver em vários lugares, levando a casa com tudo o que temos e precisamos… isto realmente é muito bom e acredito que descobrimos uma das poucas formas de fazer isso… e o veleiro se torna essencial… ❤️. Namastê 🙏🏻

Dias 702 e 703. Morando a bordo, travessia Mar Jônico. Dias 08 e 09 de novembro de 2018

Sobre Sailing Vessel Pharea

Eu, meu marido Renato Teixeira e a Bella, nossa Yorkshire, moramos a bordo e estamos conhecendo muitos lugares dando volta ao mundo em um veleiro. Namastê 🙏🏼
Esse post foi publicado em #svphareanaitalia🇮🇹. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Travessia Mar Jônico, da Grécia 🇬🇷 para a Itália 🇮🇹

  1. Edilsa disse:

    Lindo relato da vida que levam…
    Um grande abraço e bons ventos sempre…

  2. Ana Lapa werner disse:

    Pelo relato, muito lindo imaginar esse cenário, maravilhoso, e a Itália 🇮🇹 um dia quem sabe tenho muita vontade de conhecer bjoss fique bem ❤️

  3. Ana Lapa werner disse:

    Pelo relato, muito lindo imaginar esse cenário, maravilhoso, e a Itália 🇮🇹 um dia quem sabe tenho muita vontade de conhecer bjoss fique bem ❤️

  4. Paulo Ricardo Seadi Pereira disse:

    FICO FELIZ EM SABER QUE OS AMIGOS FIZERAM UMA BOA TRAVESSIA E ESTÃO FELIZES BOA ESTA NA ITÁLIA E CONTINUEM A MANDAR NOTÍCIAS. aBRAÇOS rICARDO SEADI PEREIRA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s