Visitando tumbas escavadas nas rochas, Fethiye, Turquia ­čç╣­čçĚ

Barco preparado, levantamos ├óncora em dire├ž├úo a cidade de Fethiye mais ao sudeste da Turquia. Sa├şmos ├ás 7 da manh├ú e com ventos fracos soprando de norte, seguimos ├á motor. Ficamos em Marmaris por quase 4 meses e j├í era hora de partir.

(Clique para ver a rota)

Fomos contornando o continente e encontramos v├írias outras embarca├ž├Áes no caminho, inclusive um n├ívio de querra, que saiu de uma base pr├│xima e passou a nosso bombordo.

A surpresa dessa navegada ficou por conta das montanhas com seus picos nevados, que realmente não esperávamos mais ver e nos surpreenderam com sua beleza.

Chegamos! A ba├şa de Fethyie ├ę grande, h├í uma Marina e um grande pier contornando toda a orla, onde ficam as escunas, aqui chamadas de Gullets, e os barcos de passeios turisticos.

Ancoramos a aproximadamente 1 milha do pier ficando mais protegidos e tivemos uma ├│tima noite, sem vento e com mar tranquilo. Na manh├ú seguinte colocamos o bote na ├ígua e sa├şmos para explorar a cidade que ├ę bem tur├şstica e com muitas lojas, restaurantes, mercado p├║blico de peixes, frutas, vegetais e muitas especiarias.

Aqui tivemos a alegria de encontrar o veleiro Luma (foto), que havia feito contato com o Renato, via aplicativo do Navily, em setembro quando chegamos na Turquia e agora nos conhecemos pessoalmente. Um casal super querido, ele do Uzbequist├úo e ela de Belarus. Tamb├ęm reencontramos a tripula├ž├úo do Sweetie e do Imagine square e sa├şmos juntos para passearmos na cidade.

Mas o que nos chamou a aten├ž├úo em Fethyie foi a visita as tumbas escavadas nas rochas (rock tumbs) a maior e mais vistosa ├ę a chamada Tumba de Amynthas. Elas tem lindos detalhes arquitet├┤nicos que recriam a fachada e janelas de uma casa e s├úo datadas de quatro s├ęculos antes de Cristo. Entrar neste museu a c├ęu aberto foi fant├ístico.

Adorando a Turquia ­čç╣­čçĚ. Namast├¬ ­čÖĆ­čĆ╗

16 de abril de 2022. Morando a bordo do veleiro SV Pharea em Fethiye, Turquia. ­čç╣­čçĚ

Sobre Sailing Vessel Pharea

Eu, meu marido Renato Teixeira e a Bella, nossa Yorkshire, moramos a bordo e estamos conhecendo muitos lugares dando volta ao mundo em um veleiro. Namast├¬ ­čÖĆ­čĆ╝
Esse post foi publicado em #Svphareanaturquia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ├şcone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s