Salerno, It├ília ­čç«­čç╣ÔŁĄ

Nossa visita a Salerno foi interrompida por uma forte chuva mas acredito que conseguimos ver dois de seus grandes destaques, al├ęm de poder sentir o ar de cidade portu├íria e ver o arranjo da cidade.

 

Visitamos o Duomo de Salerno, uma das catedrais mais lindas que vimos, constru├şda no s├ęculo XI, tendo passado por v├írias reformas e ainda conservando uma cripta onde dizem estar sepultado S├úo Mateus.

         

A cripta ├ę simplesmente fant├ística, as pinturas e mosaicos e a cor dourada impressiona por sua beleza e harmonia, infelizmente as fotos n├úo reproduzem a beleza deste lugar.
Seguimos para o Jardim Minerva, um local super importante para a hist├│ria da medicina. O local onde fica o Giardino della Minerva, “viridarium”, era de propriedade da fam├şlia Silvatico, desde o s├ęculo XII ao XIV, e Matteo Silvatico criou um jardim que se tornou o precursor de todos os futuros jardins bot├ónicos da Europa.
De extraordin├írio valor cultural, foi ber├žo da “teoria umorale”, baseada nos estudos das plantas cultivadas no jardim, que eram usadas para produzir os ingredientes ativos empregados para fins terap├¬uticos (foto a esquerda).
Matteo Silvatico se dedicou ao cultivo e ensino sobre essas plantas aos estudantes da Faculdade de Medicina, fornecendo seus nomes, finalidade e caracter├şsticas.
Durante uma escava├ž├úo arqueol├│gica recente, o jardim medieval foi encontrado a uma profundidade de cerca de dois metros abaixo do n├şvel atual do solo e em 2000, o Conselho Municipal, utilizando recursos do programa Urbano Europeu, restaurou os jardins e abriu para visita├ž├úo, mostrando elementos interessantes, que remontam aos s├ęculos XVII e XVIII. Um dos mais atraentes ├ę o longo lance de degraus, marcado por pilares cruciformes, que sustentam uma p├ęrgola de madeira.
Ficamos surpresos com a teoria umorale, elaborada por Galeno, m├ędico grego,┬á por volta do ano 216 d.C., e de saber como num simples jardim foi produzido tanto conhecimento a ponto de a Faculdade de Medicina de Salerno ter sido a primeira e mais importante institui├ž├úo m├ędica da Europa, na Idade M├ędia, e a precursora das universidades modernas.

Maravilhoso estar aqui, conhecer este local e sua hist├│ria, ver as sementes de tudo o que ainda ├ę produzido aqui. S├│ a agradecer. Namast├¬!

Dia 1.200 morando a bordo. Salerno, Itália, dia 03 de outubro de 2019.

Sobre Sailing Vessel Pharea

Eu, meu marido Renato Teixeira e a Bella, nossa Yorkshire, moramos a bordo e estamos conhecendo muitos lugares dando volta ao mundo em um veleiro. Namast├¬ ­čÖĆ­čĆ╝
Esse post foi publicado em #svphareanaitalia­čç«­čç╣. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ├şcone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Voc├¬ est├í comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: