Tour pelas ilhas de Angra do Reis ðŸŒ´ðŸŒ´

Previsão favorável mas com aviso de ressaca, na segunda-feira partimos rumo a tão falada e escrita Praia do Dentista. Quando ainda morávamos em Curitiba, na revista Náutica regularmente havia foto dessa Praia, mostrando um local lindíssimo e cheio de lanchas… e não estamos sós, rumamos em flotilha com Paisano e Xixagu, eba!!
      
A Praia do Dentista fica na Ilha da Gipóia, saímos em torno das 09:30h e abrimos vela na saída e somente após cruzar o canal e chegar próximo a Ilha é que o vento parou, foi uma boa velejada. Mas chegando lá as ondas estavam bem fortes devido a ressaca e os comandantes optaram por passarmos o dia no outro lado da Ilha, na Fazenda. Lugar bem abrigado do vento e da ressaca que estava entrando. Muito limpo e bonito, com casas de veraneio, bar da Val, trilha para outra prainha e ainda uma trilha que leva a Praia das flechas e Piedade, onde tem uma bela e antiga igrejinha. Água transparente e visual super lindo.

Após a trilha fizemos um “almojanta” a bordo do Relax, pernoitamos na Fazenda e no dia seguinte, terça-feira, retornamos para Praia do Dentista (nos disseram que lá tem a casa de um dentista que atendia a um determinado presidente da república e assim ficou sendo conhecida e nominada), numa ótima velejada. A Praia é mesmo linda como dizia a matéria da revista, água límpida e praia de tombo, também acertaram que é muito frequentada por lanchas. Descemos num flutuante que tem serviço de bar e restaurante e nos encantamos com o cachorro do local que vinha a nado e subia a escada do flutuante como se fosse a coisa mais natural do mundo kkk. Nesta oportunidade conhecemos a tripulação do veleiro Compagna, amigos do Paisano. No início da tarde fomos com o Xixagu para um local chamado Retiro e saímos pelo outro lado da Ilha da Gipóia, completando a volta pela Ilha. No caminho até o Retiro, que fica no continente, muitas ilhas, maiores, menores mas todas com sua beleza. Aqui a água já não é tão clara, devido à urbanização e sua proximidade com o continente. Chegamos no Retiro e descemos no vilarejo, andamos na praia e fomos até um mercadinho local. Manhã seguinte, quarta de feriado de 15 de novembro, o Renato subiu no mastro do Xixagu para um conserto da luz de top e mais tarde saímos com o Paisano e o Campagna para velejar e conhecer alguns lugarzinhos destacados no guia do Helio Guimarães. Conhecemos a Ilha do Japão, a Cachoeira da Comprida, Praia da Baleia, Saco do Itanema, Porto Aquarius e Saco dos Negros. O vento estava ótimo os três veleiros ao vento com suas velas a todo vapor. O comandante chegou a armar asa de pombo quando o vento insistia em vir de popa, senão seguimos orçando e adernando num belo visual! Levei um rápido susto e percebi uma raia preta imensa pulando fora da água a nossa frente, foi mais um presente recebido neste dia muito bem aproveitado!!!
No meio da tarde retornamos para o Retiro onde o Xixagu permaneceu e subimos para almoçar a bordo com eles. Na quinta, o Paisano e o Xixagu foram rumo ao Bracuhy e nós saímos rumo à Lagoa Verde, onde mergulhamos no ano passado e queríamos muito voltar… mas acontece que passamos em frente as Ilhas Botinas, outro lugar super legal para mergulhar e de água cristalina, paramos, mergulhamos e o Renato fez imagens de Drone . Curtimos muito. Havia somente um pequena voadeira no local, ou seja, o local estava praticamente deserto.
          
Após o mergulho o Allu Maris chegou e acabou abortando o mergulho ali e rumamos juntos para a Lagoa Verde, onde já havia algumas lanchas com turistas. Mergulhamos mas a água não estava muito transparente. Saímos em direção a Tapera e lá chegando fomos mergulhar nas pedras que separam o lado de Ubatubinha. Dia perfeito com ótima companhia e atividades.
Foram quatro dias de muitas descobertas, lindos lugares, natureza impecável, bons momentos compartilhamos com os amigos e ótimas velejadas!!! Dias perfeitos por aqui, o que mais dizer, além de Namastê 🙏🏼?
Dias 339 a 342, de 13 a 16, morando a bordo do veleiro Relax, Angra dos Reis, RJ

Sobre Sailing Vessel Pharea

Eu, meu marido Renato Teixeira e a Bella, nossa Yorkshire, moramos a bordo e estamos conhecendo muitos lugares dando volta ao mundo em um veleiro. Namastê 🙏🏼
Esse post foi publicado em Morando no Veleiro Relax ⛵️, Skipper 30 e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s